05/04/2010
To be continued
18/04/2010

A ocupação dos últimos dias

Dei uma parada nos projetos; dei uma parada nas leituras e estudos. Estive por quatro dias trabalhando com a equipe diplomática ( a imprensa) indiana; ajudando nas reuniões de cúpula do IBAS ( Ìndia, Brasil e África do Sul) e do BRIC (Brasil, Rússia, ìndia e China)  trabalhando como intérprete da língua inglesa. Foi um trabalho laboroso, mas recompensador.

Embora o sotaque dos indianos fosse um pouco arrastado, os trabalhos foram desempenhados a contento e as designações foram emprrendidadas de forma correta e eficiente. E este ambiente multicultural tomou meu tempo durante esses quatro dias, mas foi bastante importante para o desenho da nova ordem mundial, no qual novos protagonistas se firmam na cena política atual. Saber que o Brasil, além da posição  de negociador e partícipe ativo nesse novo modelo de recolonização, é também capaz de receber e bem acomodar- em Brasília- toda essa sorte de autoridades e chefes de Estado, é também reconhecer um novo filão dentro do mercado do turismo.

Foi intressante particpar desse evento, enxergando de forma diferente essa dimensão da participação do Brasil como receptor no Turismo de negócios.

Apesar do cansaço e da rotina estafante, o trabalho e recompensador. No aeroporto, ao re-encontrar os indianos no saguão, a despedida tinha como última tarefa a tradução das últimas palavras dos funcionários da imprensa indiana:

_You have  done a great job!

Para mim, fica a impressão de que o Brasil desenvolveu um grande trabalho e sinto-me, orgulhosamente, parte disso tudo; desse pequeno esforço de noites mal-dormidas; dessa vontade de representar o país na colaboração de uma nova ordem mundial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *