Egito e Brasil: comparações pertinentes

A Espera ( Esperança?)
27/01/2011
O Cisne Negro
08/02/2011

Egito e Brasil: comparações pertinentes

Estive pensando, depois da leitura do livro de Edney Silvestre, Se eu fechar os olhos agora, e lembrei de uma fase do Brasil, durante o governo de 34, quando vivíamos a ditadura de Getúlio. Não sabíamos ainda o que era o gostinho da democracia, e nos alternávamos em oligarquias que governavam de forma nada satisfatório. Pois bem, Vargas através da “Revolução de 30”, prometeu uma reforma nesse molde oligarquico-paulista-cafeeriro-mineiro-leite, o que, na verdade não passou de uma tautologia disfarçada. Então, observamos um certo Aí veio a Constituição de 34, copiando a Constituição de Weimar, adornando-a, aqui, de democrática. Então, temos ao longo de três anos a insurgência dos comunistas e a “pretensão de proteger a democracia” do governo Vargas, então o golpe de 1937, o plano Cohen, e então o estado novo. Pena que ainda não tínhamos o FACEBOOK, o TWITTER, para que essas ideias fossem veementemente rechaçadas. Pena que não temos um povo como o egípicio que talvez pensem, genuinamente, nos moldes revolucionários e cheios de propósito como os da Revolução Francesa. De repente, a ditadura de Mubarack parece repetir a história mansa de nossos registros históricos, nossa história quase apagada.Então, novemente, pego-me pensando na volta de Vargas, num outro movimento de eleição democrática e a escolha de um ex-ditador, como real representante da nação. Então, Mubarack, auspiciado pelos EUA- que pelo menos pediu a transição imediata-tenta a genuinidade do governo até setembro. Quiça eleições democrática tragam um novo Mubarack e uma nova oportunidade. Será? Olhando o passado eu vejo o presente do Egito como um Vargas repaginado. Olhar para a situação do Egito, hodiernamente, e repensar nossa postura pacífica de anos pretéritos. A situação que os acomete é uma possibilidade de rever nossos prórpios conceitos e entendimentos que temos acerca de nossa História. Olhar o Egito é olhar nosso passado, mas com a alternativa de mudança.

1 Comentário

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Roberto Dias, Roberto Dias. Roberto Dias said: Egito e Brasil: comparações pertinentes: http://wp.me/pnupu-n9 […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *